Premiê sueco se encontrará com colega tcheco e Barroso na quarta

O primeiro-ministro da Suécia, detentor da Presidência da União Europeia, afirmou que se reunirá com o premiê tcheco e o presidente da Comissão Europeia na quarta-feira para discutir a implantação do Tratado de Lisboa da UE.

REUTERS

03 de outubro de 2009 | 10h52

"Hoje é um bom dia para a Europa. Foi uma longa jornada. Agora a Presidência será ativa para alcançar tudo," afirmou Reinfeldt em comunicado após autoridades irlandesas terem declarado vitória em um referendo sobre o tratado reformador de Lisboa.

"Por essa razão, eu convidei o primeiro-ministro (Jan) Fischer e o presidente da Comissão, (José Manuel) Barroso a um encontro em Bruxelas na quarta-feira," afirmou Reinfeldt.

O tratado, que dá à UE um presidente de longo prazo e um chefe de política externa mais poderoso, precisa ser aprovado por todos os 27 Estados do bloco para ser aplicado.

(Reportagem de Anna Ringstrom e Adam Cox)

Tudo o que sabemos sobre:
UETRATADOLISBOABARROSO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.