Presidente da Itália diz a partidos que parem de brigar e formem governo

O presidente italiano, Giorgio Napolitano, em um duro discurso a partidos políticos do país, disse nesta segunda-feira que devem chegar a um acordo para formar um governo e sem demora.

Reuters

22 de abril de 2013 | 13h04

Em seu discurso de posse no Parlamento, depois de uma reeleição presidencial sem precedentes, o chefe de Estado de 87 anos atacou repetidas vezes os partidos políticos pelas disputas intermináveis e pela incapacidade de chegar a um acordo desde a eleição, em fevereiro.

Napolitano disse aos parlamentares que apenas uma ampla coalizão é possível nas circunstâncias atuais e que devem formar rapidamente um governo capaz de ganhar votos de confiança nas duas Casas do Parlamento.

(Reportagem de Barry Moody)

Tudo o que sabemos sobre:
ITALIANAPOLITANOALERTAPOLITICOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.