Presidente da Ucrânia diz a Biden que ofertas de cessar-fogo foram rejeitadas

O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, disse ao vice-presidente norte-americano, Joe Biden, que a Rússia e os separatistas ucranianos rejeitaram múltiplas propostas de Kiev sobre locais para a negociação de um cessar-fogo, disse a Casa Branca nesta quinta-feira.

REUTERS

10 de julho de 2014 | 20h07

Os dois discutiram a situação no leste da Ucrânia por telefone.

"O vice-presidente disse ao presidente Poroshenko que os Estados Unidos estavam discutindo com seus aliados na comunidade internacional a necessidade de responsabilizar a Rússia por seu contínuo apoio aos separatistas", disse a Casa Branca.

(Reportagem de Mark Felsenthal)

Tudo o que sabemos sobre:
UCRANIAPOROSHENKOCESSAR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.