Presidente francês faz primeiro voo no 'Air Sarko'

PARIS (Reuters Life!) - O presidente da França, Nicolas Sarkozy, embarcou nesta quinta-feira em seu primeiro voo no novo avião presidencial, um modernamente equipado Airbus A330, para o encontro do G20 em Seul.

REUTERS

11 de novembro de 2010 | 13h24

Comprado da Caribbean Airlines, o "Air Sarko", como o avião foi apelidado pela imprensa francesa, é uma aeronave de passageiros modificada e equipada com tecnologia de defesa contra mísseis, uma unidade de comunicação segura e um quarto com banheiro adjacente.

O preço pago pela aeronave, 84 milhões de euros (138 milhões de dólares), foi cerca da metade de seu valor comercial, mas a reforma para atender às exigências do presidente elevou o custo total para 176 milhões de euros, o que despertou críticas da oposição a respeito da "extravagância" do presidente.

O ministro da Defesa, Herve Morin, apoiou o gasto, dizendo que era "puro bom senso" equipar um avião presidencial com uma cama e um chuveiro, e negou rumores de que a aeronave possui uma banheira.

Comprado para ser usado em todas as viagens presidenciais oficiais, o A330 substitui dois Airbus A319 previamente usados para o mesmo propósito. O novo avião é maior e tem autonomia de 12 mil quilômetros, contra 7.000 quilômetros das outras aeronaves.

A partir de 2005, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva também passou a realizar seus voos num Airbus modificado, apelidado de "Aerolula", que teve custo de 56,7 milhões de dólares.

Outros líderes mundiais, como o norte-americano Barack Obama e o chinês Hu Jintao, também possuem aeronaves modificadas para seus voos.

(Reportagem de Nick Vinocur)

Tudo o que sabemos sobre:
FRANCAAVIAOPRESIDENCIALDS4A*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.