Protestos marcam parada da independência da Grécia

A polícia grega lançou gás lacrimogêneo neste domingo para dispersar manifestações em três cidades contrárias às medidas de austeridade durante a parada nacional que marca a independência do país do Império Otomano.

GEORGE GEORGIO, REUTERS

25 de março de 2012 | 12h42

A parada militar anual, que celebra o levante grego de 1821, foi realizada sob medidas de segurança sem precedentes em Atenas para impedir a repetição de pequenos confrontos e interrupções em celebrações anteriores, quando manifestantes chamaram o presidente Karolos Papoulias de traidor.

Os protestos refletem a irritação da população com as duras medidas de austeridade impostas pelo governo para obter com seus credores internacionais os empréstimos de que precisava, e assim manter a economia de pé.

Tudo o que sabemos sobre:
GRECIAPROTESTOSPARADA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.