Risco de câncer em criança é maior perto de usina nuclear

Um estudo alemão revelou que criançaspequenas vivendo próximas a usinas nucleares têm um riscosignificativamente maior de desenvolver leucemia e outros tiposde câncer, relatou um jornal local neste sábado. "Nosso estudo confirmou que, na Alemanha, foi observada umaconexão entre a distância do domicílio para a usina nuclearmais próxima... e o risco de desenvolver câncer, como leucemia,antes do quinto aniversário", publicou o jornal SuddeutscheZeitung em reportagem, citando um relatório. O jornal informou que o estudo foi feito pela Universidadede Mainz para o Escritório Federal de Proteção contra Radiaçãoda Alemanha. Uma cópia do relatório não estava disponívelimediatamente. Os pesquisadores descobriram que 37 crianças dentro de umraio de cinco quilômetros de usinas nucleares haviamdesenvolvido leucemia entre 1980 e 2003, enquanto a médiaestatística durante o mesmo período foi de 17, segundo ojornal. O ministro do Meio Ambiente da Alemanha, Sigmar Gabriel,disse em um comunicado que examinará o estudo. A Alemanha planeja fechar todas as suas usinas nucleares nocomeço da década dos anos 2020. (Por Louis Charbonneau)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.