Rússia acredita que eleição na Ucrânia pode contribuir para paz; teme 'nacionalistas', diz agência

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia disse nesta segunda-feira que a eleição parlamentar na Ucrânia oferece uma chance para a paz no leste do país, mas que um alto número de parlamentares "nacionalistas" pode prejudicar o processo, informou a agência de notícias RIA.

REUTERS

27 de outubro de 2014 | 07h41

A contagem inicial dos votos mostrou uma vitória clara de partidos pró-Europa na eleição parlamentar, a primeira a ser realizada desde os protestos de rua que derrubaram o presidente pró-Rússia Viktor Yanukovich este ano.

(Reportagem de Gabriela Baczynska)

Tudo o que sabemos sobre:
UCRANIARUSSIACHANCELERELEICOES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.