Rússia aumentará em 8% despesa com material bélico em 2010

Vice-premiê afirma que taxa é significativa se forem consideradas as "complexas condições econômicas atuais"

Efe,

22 de setembro de 2009 | 10h26

A Rússia aumentará em 8% sua despesa em material bélico em 2010, anunciou nesta terça-feira, 22, o vice-primeiro-ministro russo, Serguei Ivanov, durante a inauguração de uma reunião da comissão militar-industrial adjunta ao governo.

 

"Sobre o plano de encomendas para a defesa em 2010, devo assinalar que este registrará um aumento de 8% em comparação com o deste ano", disse Ivanov, citado pela agência Interfax. O vice-premiê destacou que este aumento é "mais que significativo" se forem levadas em conta as complexas condições econômicas da atualidade.

 

Ivanov indicou que no fim de agosto a comissão militar-industrial enviou ao Ministério das Finanças as propostas sobre os principais pontos do plano de encomendas e já há um acordo sobre os volumes de verbas orçamentárias. O vice de Dmitri Medveded acrescentou que o plano de encomendas será aprovado definitivamente pelo governo antes de fim de ano, o que permitirá começar o financiamento ainda em dezembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.