Rússia diz ter construído bomba a vácuo mais poderosa do mundo

A Rússia disse nesta terça-feira que havia testado a bomba a vácuo mais poderosa do mundo. "Resultados de testes da nova arma mostraram que sua eficiência e poder são proporcionais a uma arma nuclear", disse Alexander Rukshin, vice-chefe do Estado Maior da Rússia, ao canal de televisão russo ORT First Channel.   "Vocês vão vê-la (a arma) agora em ação. A bomba que não tem páreo no mundo está sendo testada em um terreno militar", relatou o canal.   A emissora mostrou em seguida um bombardeiro Tupolev Tu-160 lançando a bomba em um local de testes, resultando numa grande explosão. A bomba a vácuo causa uma ampla devastação.   Um explosivo deste tipo é lançado, a primeira carga explosiva abre um compartimento em uma altura predeterminada e dispersa o combustível em uma nuvem que se mistura com oxigênio.   Uma segunda carga detona a nuvem, que engloba objetos e construções. "Ao mesmo tempo, eu quero frisar que a ação desta arma não contamina o ambiente, ao contrário da nuclear", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.