Rússia espera melhorar relações com a Ucrânia de Yanukovich

Segundo porta-voz do Kremlin, Medvedev 'não estava pronto para trabalhar com o presidente Yushchenko'

Reuters,

11 de fevereiro de 2010 | 13h32

A Rússia espera melhorar as relações com a Ucrânia agora que Viktor Yanukovich venceu as eleições presidenciais do domingo, disse nesta quinta-feira, 11, Natalya Timakova, porta-voz do Kremlin.

 

Eleições na Ucrânia:

link'Falsas promesas' de Yanukovich vão aparecer, diz premiê

linkYanukovich deve levar Ucrânia de volta à influência russa

linkYulia promete recorrer de resultado das eleições na Ucrânia

 

Em uma coletiva de imprensa na cidade siberiana de Tomsk, a porta-voz disse que a Rússia espera estreitar os laços com a ex-república soviética assim que o atual presidente, Viktor Yushchenko, deixar o cargo.

 

"O presidente parabenizou Yakunovich por seu sucesso e sua posição é bem clara: Medvedev não estava pronto para trabalhar com Yushchenko", disse Natalya. "Qualquer outro presente eleito democraticamente é visto como um parceiro. Não vemos nenhum problema e esperamos muito que nossas relações com a Ucrânia melhore com o presidente Yanukovich", concluiu a representante do governo russo.

 

Yanukovich teve cerca de 49% dos votos, enquanto a rival, a primeira-ministra Yulia Timoshenko, teve cerca de 45,5%. O presidente eleito era o preferido da Rússia para assumir o cargo e desde sempre falou em sua campanha sobre amenizar as tensões com os vizinhos.

Tudo o que sabemos sobre:
RússiaUcrâniaYushchenkoYanukovich

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.