Rússia vê chance em nova resolução da ONU sobre a Síria

O ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse a ministros árabes neste sábado que uma nova resolução do Conselho de Segurança da ONU tem uma "chance" de ser aprovada se não for motivada por um desejo de garantir que rebeldes tomem o controle das ruas na Síria.

REUTERS

10 de março de 2012 | 12h01

"Essa resolução tem chance de ser aprovada se nós não formos todos guiados pelo desejo de apoiar grupos armados de oposição para que ganhem as batalhas nas cidade", disse Lavrov em dicurso de abertura numa reunião de ministros de Relações Exteriores da Liga Árabe.

"Mas se nós estivermos guiados pelos desejos de assegurar que não haverá combates nas cidades e vilas, então as propostas relevantes estão na mesa e nós temos plenas oportunidades de concordar sobre elas", disse.

Os Estados Unidos elaboraram um rascunho de uma nova resolução do Conselho e Segurança da ONU sobre a Síria, que está sendo discutida por potências mundiais.

(Reportagem de Edmund Blair)

Tudo o que sabemos sobre:
RUSSIASIRIAONU*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.