Sarkozy deve detalhar reformas para melhorar empregos e negócios

O presidente francês Nicolas Sarkozy deve revelar um pacote de reformas neste domingo para criar mais empregos, melhorar a competitividade dos negócios e convencer os eleitores de que ele é o líder certo para recuperar a economia francesa.

REUTERS

30 de janeiro de 2012 | 13h02

Três meses antes das eleições presidenciais nas quais Sarkozy já anunciou sua candidatura, o titular está focado na competitividade econômica, em meio a uma crise de longa duração na zona do euro. Muitos economistas acreditam que a França passa por uma recessão moderada.

Em uma entrevista que será televisionada em nove canais, Sarkozy abordará maneiras de conter o desemprego galopante que no momento está em seu maior patamar dos últimos 12 anos, ajudando os empregadores a contratar mais pessoal, enquanto se tornam mais competitivos no mercado internacional.

Ele vai revelar planos para o chamado "VAT Social", no qual as contribuições sociais feitas pelos empregados serão cortadas e como alternativa os consumidores vão pagar mais impostos sobre valor agregado.

O jornal Le Monde publicou neste sábado que o programa inspirado na Alemanha vai aumentar a taxa de imposto sobre valor agregado de 1,6 por cento para 21,2 por cento.

Também é esperado que Sarkozy forneça detalhes sobre a transação financeira fiscal na França que ele espera que na sequência seja adotada pela União Europeia.

O discurso do presidente ocorre exatamente uma semana após seu concorrente socialista, François Hollande, ter iniciado sua ofensiva campanha com um discurso batendo o mundo da alta finança.

Hollande revelou no final da semana o seu plano de aumentar os impostos sobre os bancos, as grandes empresas e os mais ricos para ajudar a conter o déficit.

(Por Alexandria Sage)

Tudo o que sabemos sobre:
FRANCASARKOZYPACOTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.