Sarkozy vê 5o aumento em popularidade, mas ainda está atrás

A popularidade do presidente francês, Nicolas Sarkozy, subiu 2 pontos percentuais na mais recente pesquisa de opinião divulgada nesta segunda-feira, o quinto estudo em menos de um mês indicando que ele está reconquistando apoio.

REUTERS

13 de junho de 2011 | 15h27

Mas o político de centro-direita ficou atrás de seus principais rivais socialistas, segundo a pesquisa, menos de um ano antes das próximas eleições presidenciais, que serão realizadas em abril de 2012.

A pesquisa do instituto pesquisa OpinionWay para o jornal francês Metro revelou que o índice de satisfação com Sarkozy subiu de 32 para 34 por cento, retornando ao nível registrado no início de ano antes de atingir uma baixa de 27 por cento em março.

Entre os socialistas, no entanto, a líder do partido, Martine Aubry, obteve 53 por cento de apoio, alta de 7 pontos na comparação com o índice anterior, enquanto François Hollande ampliou sua liderança, subindo 4 pontos para 54 por cento.

Marine Le Pen, líder do partido de extrema direita Frente Nacional escorregou e ficou atrás de Sarkozy depois de conquistar popularidade nos últimos meses, sofrendo queda de 32 para 29 por cento das intenções de voto.

A pesquisa, que entrevistou 1.020 pessoas acima de 18 anos, foi realizada entre 3 e 8 de junho.

Nicolas Sarkozy vem reconquistando sua popularidade desde que seu principal rival, Dominique Strauss-Kahn, foi eliminado da corrida presidencial em maio após ser preso sob alegações de assédio sexual, acusação que ele nega.

Sarkozy, no entanto, continua sendo um dos presidentes com pior índice de aprovação dos últimos tempos na França, manchado por uma série de escândalos políticos e uma ampla insatisfação pelos altos índices de desemprego e aparente redução no poder de compra.

A socialista Aubry, mulher responsável pela implementação da semana de trabalho de 35 horas na França no início dos anos 1990, ainda deve decidir se irá concorrer à Presidência, enquanto seu rival no partido Hollande, já deixou claras as suas ambições.

(Reportagem de Vicky Buffery)

Tudo o que sabemos sobre:
FRANCASARKOZYPESQUISA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.