Toby Melville/Reuters/Arquivo
Toby Melville/Reuters/Arquivo

Telefone de ex-premiê Gordon Brown foi grampeado, dizem jornais

Segundo veículos, outros jornais do grupo do 'News of the World' teriam obtido informações ilegalmente

REUTERS

11 de julho de 2011 | 15h09

LONDRES - Jornalistas da rede de jornais de Rubert Murdoch tentaram repetidas vezes grampear o telefone de Gordon Brown quando ele era ministro das Finanças e primeiro-ministro da Grã-Bretanha, relataram os jornais Guardian e Independent em seus sites nesta segunda-feira, 11.

 

O Independent disse que Brown faria uma declaração sobre a questão em breve. O Guardian afirmou que os jornalistas do News International alvejaram Brown várias vezes, tentando acessar a caixa postal dele e obtendo informações sobre a sua conta bancária, seu histórico na Justiça e as fichas médicas de seus parentes.

Até agora, as acusações de práticas ilegais de reportagem centraram-se no News of the World, o popular jornal de domingo de Murdoch. As novas matérias afirmam que houve procedimentos similares em jornais irmãos da rede News International.

O escritório de Brown não pôde ser contatado imediatamente para que ele fizesse comentários sobre o assunto.

Mais de dez anos

 

O News International, parte do grupo News Corp, de Murdoch, disse em comunicado ter registrado as acusações feitas com relação a Gordon Brown. "Desta forma, podemos investigar mais as questões das acusações, ao obter todas as informações pedidas".

 

O Guardian afirmou ter evidências de que Brown foi alvo durante um período de mais de 10 anos, tanto como ministro das Finanças como primeiro-ministro.

Disfarce

 

O jornal também relatou que uma sociedade tinha evidências sugerindo que um suposto "blogueiro" para o Sunday Times em seis ocasiões se passou por Brown e obteve detalhes de sua conta.

O texto também disse que os advogados de Brown em Londres foram levados a passar detalhes sobre o histórico do político por um vigarista que, segundo o Guardian, trabalhava para o Sunday Times.

Além disso, talvez o mais grave, uma investigação do Guardian descobriu que detalhes dos registros médicos do filho de Brown podem ter sido obtidos pelo Sun.

Em 2006, o jornal revelou que Fraser, filho de Brown, tinha fibrose cística.

Tudo o que sabemos sobre:
GRABRETANHAGRAMPOSBROWN*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.