Trens batem de frente na Bélgica, mortos podem chegar a 20

Dois trens bateram de frente perto de Bruxelas nesta segunda-feira e as estimativas de mortos vão de 10 a mais de 20.

ANTONIA VAN DE VELDE, REUTERS

15 de fevereiro de 2010 | 09h24

Os trens de passageiros colidiram perto de Halle, 15 quilômetros a sudoeste de Bruxelas, por volta das 8h30 (6h30, horário de Brasília).

A emissora pública belga VRT citou o prefeito de Halle, segundo o qual ao menos 20 pessoas foram mortas. A mídia local disse que o governador da província havia se referido a pelo menos 10 mortos.

Autoridades locais e a operadora de trens SNCB não puderam confirmar os números.

"Certamente há mortos, mas é muito difícil dar um número preciso nesse momento. Há pessoas presas", disse à Reuters um porta-voz da SNCB.

Os serviços de trens, incluindo a linha de alta velocidade entre Bruxelas e Paris, foram suspensos. A Eurostar informou que seus serviços para Grã-Bretanha não estão funcionando.

(Reportagem adicional de Philip Blenkinsop e Bate Felix)

Tudo o que sabemos sobre:
BELGICATRENS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.