Três imigrantes chegam mortos em ilha da Espanha

Pequena embarcação transportava 85 pessoas, entre elas uma menina de dois anos que passa bem

Agências internacionais,

12 de janeiro de 2008 | 10h21

Ao menos três pessoas morreram em um pequeno barco de pescador que chegou neste sábado, 12, à ilha de Tenerife. Viajavam na embarcação outros 85 possíveis imigrantes, entre eles uma menina de dois anos, que estava em aparente bom estado de saúde, informaram fontes do Governo em Canárias.   Segundo fontes oficiais, dos 85 ocupantes do barco que chegaram com vida, 70 apresentam bom estado de saúde, dois encontram-se em estado muito grave e outros dois apresentam estado grave. Aqueles que não se encontravam bem foram hospitalizados.   Do total de ocupantes que sobreviveram, seis são mulheres e outros nove são possivelmente menores de idade. A embarcação em que viajavam foi avistada em alto-mar e foi levada ao porto de Los Cristianos, no município de Arona. As informações foram publicadas neste sábado pelo jornal espanhol El País.

Tudo o que sabemos sobre:
Tenerifeimigrantes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.