Ucrânia adverte sobre uso de frota contra a Geórgia

Caso isso aconteça, os navios terão o retorno proibido à base principal, que a Rússia aluga no País

EFE

10 de agosto de 2008 | 06h40

A Ucrânia advertiu neste domingo a Rússia que em caso de uso da Frota russa do Mar Negro contra a Geórgia seus navios terão seu retorno proibido à base principal, Sevastopol, que a Rússia aluga para a Ucrânia.   Uma declaração do Ministério de Assuntos Exteriores adverte que a Ucrânia "se reserva ao direito de proibir o retorno a seu território até que se regule o conflito dos navios que possam participar do conflito".   O documento indica que a medida será adotada "de acordo com o direito e as normas internacionais" a fim de evitar que a "Ucrânia possa se ver arrastada para um conflito militar" por culpa da frota russa do Mar Negro, com base "em território ucraniano".   Anteriormente, a Rússia acusou a Ucrânia de "amar até os dentes" a Geórgia.

Tudo o que sabemos sobre:
Geórgia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.