Zapatero pede 'prudência' a presidente do BCE

O primeiro-ministro da Espanha, JoséLuis Rodríguez Zapatero, pediu neste sábado que o presidente doBanco Central Europeu, Jean Claude Trichet, seja prudente emseus comentários. O pedido foi feito depois de Trichet ter afirmado quepoderia haver um aumento nas taxas de juros na zona do euro,uma declaração que colaborou para o aumento para níveisrecordes do preço do petróleo na sexta-feira. "Eu recomendaria ao senhor Trichet mais prudência em suasdeclarações", disse Zapatero durante uma conferência deimprensa. Trichet sugeriu que as taxas poderiam subir no próximo mês,com o objetivo de frear a inflação. "Todos respeitamos a independência do Banco CentralEuropeu, mas todos esperamos responsabilidade do Banco CentralEuropeu", disse Zapatero.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.