Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Reprodução
Reprodução

Menino de 8 anos será julgado por matar bebê de 1 ano

O menino, cuja identidade não foi revelada, atacou a bebê porque supostamente ela não parava de chorar, segundo disseram autoridades a jornais locais

O Estado de S. Paulo

11 de novembro de 2015 | 16h53

WASHINGTON - Um menino de 8 anos foi acusado de assassinato no Estado de Alabama, EUA, por supostamente espancar até a morte uma bebê de 1 ano. A menina foi deixada pela mãe sob os cuidados do garoto para ir a uma festa. 

O menino, cuja identidade não foi revelada, atacou a bebê porque supostamente ela não parava de chorar, segundo disseram autoridades a jornais locais. "A bebê sofreu um severo trauma na cabeça e extensos danos aos órgãos internos que causaram sua morte", disse o porta-voz da polícia de Birmingham, Alabama, Sean Edwards, segundo o site Al.com

Katerra Lewis, mãe da menina, foi indiciada por homicídio involuntário, por ter deixado a pequena Kelci Devine Lewis aos cuidados do garoto que a matou e de outros meninos, um de apenas 5 anos, enquanto saiu para uma festa. 

Kelci foi encontrada já sem vida no dia 12 de outubro em sua cama. A polícia a levou para um hospital, mas não foi possível salvá-la. Katerra foi liberada na segunda-feira após pagar uma fiança e aguardará o julgamento em liberdade. O menino permanece sob custódia do Departamento de Recursos Humanos do Alabama, que mantêm confidenciais os detalhes do caso. / AFP 

Tudo o que sabemos sobre:
EUAAlabamaKaterra Lewis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.