Adrees Latif/Reuters
Adrees Latif/Reuters

106 brasileiros ilegais nos EUA voltarão ao Brasil em voo fretado em 21 de maio

Conforme o Estadão mostrou, o governo do presidente Joe Biden recorre a voos fretados para a deportação, mesma medida adotada por seu antecessor, Donald Trump

Redação, O Estado de S.Paulo

19 de maio de 2021 | 13h47

BRASÍLIA - Ao menos 106 brasileiros deportados pelos Estados Unidos por atravessar a fronteira ilegalmente chegarão ao País na sexta-feira, 21. A viagem foi confirmada pelo Itamaraty na tarde desta quarta-feira, 19 e revelada pelo Estado no domingo. 

Segundo a chancelaria, o processo de deportação ocorre integralmente sob jurisdição dos Estados Unidos. Conforme o Estadão mostrou, o governo do presidente Joe Biden recorre a voos fretados para a deportação, mesma medida adotada por seu antecessor, Donald Trump. 

“O governo brasileiro foi notificado do voo e acompanha os desdobramentos, com vistas a assegurar que aos cidadãos brasileiros deportados seja estendido tratamento digno”, diz a nota. 

Ainda de acordo com o Itamaraty, a realização do voo tem como objetivo reduzir o tempo de permanência dessas pessoas em centros de detenção nos Estados Unidos, no contexto da pandemia.

“As repartições consulares brasileiras nos Estados Unidos seguem prestando toda a assistência consular cabível aos cidadãos brasileiros ainda detidos naquele país”, conclui.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.