206 quilos de plutônio desaparecem no Japão

Um total de 206 quilos de plutônio - quantidade suficiente para fabricar 25 bombas atômicas - desapareceu na central japonesa de tratamento de lixo nuclear de Tokaimura. Foi o que revelou hoje a empresa que administra a planta, localizada a 100 km a nordeste de Tóquio. Acrescentouque o governo japonês e a Agência Internacional de EnergiaAtômica (AIEA) já foram informados sobre o desaparecimento desse material. "Achamos que pode tratar-se de um simples erro de cálculo e excluímos inteiramente a hipótese de essa quantidade de plutônio ter ido parar em mãos de desconhecidos fora da usina", disse o porta-voz da central. O porta-voz se referiu a um possível erro de cálculo porque o desaparecimento foi notado nos registros de controle. A central de Tokaimura foi o local onde ocorreu, em setembro de 1999, o mais grave acidente nuclear da história do Japão, no qual morreram dois técnicos vítimas de uma dose letal de radiações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.