Marco Mesina/Efe
Marco Mesina/Efe

31 dos 33 mineiros já receberam alta, diz hospital no Chile

28 mineiros são liberados para voltar para casa; outros três tinham recebido alta na quinta-feira

estadão.com.br,

15 de outubro de 2010 | 18h29

COPIAPÓ - 28 dos 30 mineiros que estavam internados em Copiapó no Chile após passarem 69 dias presos embaixo da terra já receberam alta do hospital, disse uma fonte médica. Outros três já haviam recebido alta ontem.

Veja também:

blog Enviada especial: A emoção do parto dos mineiros

blog Veja no blog como foi a operação

mais imagens Confira as fotos do local

especialSaiba quem são os mineiros

especialESPECIAL: Como foi feito o resgate

Após o resgate, um dos trabalhadores foi diagnosticado com pneumonia e outro com infecção dentária. A previsão do hospital era que dez mineiros recebessem alta hoje.

 

Edison Peña, Juan Illanes e Carlos Mamani, que foram liberados ontem, já estão em casa.

 

Os mineiros foram retirados com auxílio da polícia para serem protegidos do assédio da imprensa. Os nomes dos trabalhadores que tiveram alta não foi divulgado.

 

Mais cedo, vice-diretor médico do hospital, Jorge Montes, disse que dez mineiros deveriam receber alta. Segundo ele, problemas respiratórios e oftalmológicos apresentados por alguns pacientes estão sob controle 

Na quinta-feira, Montes havia dito que todos os mineiros deveriam ser liberados até domingo, inclusive os com estado de saúde mais debilitado, e que alguns só terão de continuar usando óculos de sol quando expostos à luz intensa.

.

Com BBC Brasil  e Efe

Tudo o que sabemos sobre:
mineirosresgate no chileChile

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.