400 mil protestam contra a guerra em Florença

Cerca de 400 mil manifestantes de toda a Europa marcharam hoje pacificamente nacidade italiana de Florença em protesto contra uma possívelguerra contra o Iraque e os efeitos negativos da globalização. A polícia não informou seu cálculo, mas os organizadoresdisseram que mais de 400 mil pessoas tomaram parte do protesto -ponto alto do encontro antiglobalização que começou naquarta-feira e termina amanhã em Florença. A marcha estava sendo considerada o maior desafio para asforças de segurança italianas desde o encontro do Grupo dos Oito(G-8) em Gênova, no ano passado, quando cerca de 300 mil tomaramas ruas e uma onda de violência deixou um morto de centenas deferidos. Carregando faixas com os dizeres "Sem Guerra", osmanifestantes caminharam pacificamente pelas ruas de Florençasob os olhares curiosos dos moradores. Em um clima relaxado ejovial, alguns dos manifestantes gritavam ocasionalmente:"Tirem as mãos do Oriente Médio" e "o verdadeiro terrorista éo Ocidente."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.