50 mil pessoas trabalhavam no World Trade Center

Numa apavorante sequência de destruição, terrorista jogaram dois aviões contra o World Trade Center e as torres gêmeas de 110 andares cada desmoronaram momentos depois. Explosões também sacudiram o Pentágono e o Departamento de Estado e espalharam o terror em todo o país. O destino das pessoas que estavam dentro dos arranha-céus não ficou imediatamente claro. Autoridades estavam tentando evacuar as cerca de 50.000 pessoas que normalmente trabalham nas torres gêmeas, mas acredita-se que muitas não puderam ser retiradas."Esse talvez seja o mais audacioso ataque terrorista que já ocorreu no mundo", disse Chris Yates, um especialista em aviação de Londres. "Isso exige uma operação logística terrorista envolvido jamais vista. Poucos grupos terroristas teriam tal capacidade... eu colocaria no topo da lista Osama bin Laden". O presidente George W. Bush ordenou uma completa investigação "para que os responsaveis pelos ataques sejam pegos". Em cerca de uma hora, um avião colidiu contra um helicóptero pousando nas proximidades do Pentágono, e a Casa Branca, o Departamento de Defesa e o Congresso foram evacuados. Na Pensilvânia, um grande avião, que acredita-se tenha sido um Boeing 747, caiu a cerca de 130 quilômetros a sudeste de Pittsburgh. A United Airlines confirmou que este avião ia de Newark, Nova Jersey, para São Francisco. Não ficou claro se a queda estava relacionada com os ataques terroristas.Autoridades entraram em alerta em todo o país, o tráfego aéreo foi suspenso, importantes prédios foram evacuados e a segurança foi reforçada em instalações estratégicas.Foram evacuados os prédios das Nações Unidas, em Nova York, e a Torre da Sears, em Chicago. Los Angeles mobilizou sua divisão antiterrorista, e a segurança foi intensificada em instalações navais em Hampton Roads, Virgínia.Um dos aviões que colidiram contra o World Trade Center era um vôo da American Airlines, sequestrado após ter saído de Boston com destino a Los Angeles, informou a companhia. A America Airlines afirmou que dois de seus aviões haviam sido sequestrados, com 156 pessoas a bordo.Os aviões atingiram em cheio as torres, abrindo grandes buracos. Uma testemunha viu corpos caindo e pessoas pulando do prédio. Cerca de uma hora depois, a torre sul desabou, criando uma imensa nuvem de fumaça no centro financeiro de Nova York. A segunda torre desabou cerca de meia hora depois."Hoje temos uma tragédia nacional", disse Bush em Sarasota, Flórida. "Dois aviões colidiram contra o World Trade Center num aparente ataque terrorista contra nosso país". Ele afirmou que iria retornar imediatamente a Washington. As colisões contra as torres gêmeas ocorreram com minutos de intervalo, a primeira tendo sido registrada pouco depois das 9 horas (locais).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.