68ª Assembleia-Geral da ONU é aberta com foco na Síria

A crise na Síria está abarrotando a agenda da abertura da 68ª Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), aberta na tarde desta terça-feira em Nova York.

AE, Agência Estado

17 Setembro 2013 | 16h21

O debate sobre a guerra na Síria será o foco dos principais discursos na reunião, embora seja do Conselho de Segurança a responsabilidade de tratar da questão.

A 68ª Assembleia-Geral começou com as delegações de mais 190 países ouvindo um resumo das conclusões dos inspetores de armas da ONU sobre o ataque com gás neurotóxico que matou centenas de civis nos arredores de Damasco na madrugada de 21 de agosto.

Mesmo após John Ashe, presidente da Assembleia-Geral, ter destacado que a reunião deva se concentrar em assuntos sociais envolvendo mulheres, jovens, direitos humanos e desenvolvimento, os delegados estavam preparados para adiar a programação imediatamente após a abertura oficial, na tarde desta terça-feira. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
ONUAssembleia-Geralabertura

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.