8 mil palestinos protestam no Líbano contra ataques à Gaza

Cerca de 8 mil palestinos realizaram uma manifestação no maior campo de refugiados no Líbano para protestar contra os ataques que Israel vem realizado a Faixa de Gaza há quase duas semanas, enquanto autoridades do Hamas na Líbia e na Síria prometeram não libertar o soldado israelense capturado a menos que Israel liberte prisioneiros palestinos. Em Damasco, o secretário-geral da Liga Árabe, Amr Moussa, disse que apóia as demandas. "O problema está na forma como as forças de ocupação tratam o povo palestino", disse Moussa. Perguntado se apóia as demanda dos militantes, Moussa respondeu: "É claro". Ele acrescentou que discutirá a questão com líderes sírios nesta segunda-feira.Homens, mulheres e crianças, alguns em uniformes militar, fizeram a manifestação no campo Ein el-Hilweh, localizado próximo a cidade portuário de Sidon, ao Sul, e abriga cerca de 70 mil palestinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.