Abbas e ''Bibi'' estão perto de consenso, afirma CNN

Palestinos e israelenses estão prestes a alcançar uma posição de consenso em relação aos assentamentos judaicos na Cisjordânia. A informação foi revelada ontem pela rede de TV CNN, citando fontes que pediram anonimato das diplomacias americana e israelense.

, O Estado de S.Paulo

25 de setembro de 2010 | 00h00

De acordo com a proposta que estaria em discussão, Israel não renovaria a moratória de dez meses imposta aos colonos - que expira no domingo -, mas exigiria que todos os projetos de construção em assentamentos fossem novamente submetidos à aprovação do governo. O trâmite burocrático, na prática, estenderia o gelo por "mais alguns meses", segundo uma fonte americana citada pela CNN.

Em contrapartida, a Autoridade Palestina do presidente Mahmoud Abbas não usaria o fim do gelo nos assentamentos "como desculpa" para deixar a mesa de negociação. O plano teria sido inicialmente proposto por Washington e buscaria garantir que nenhum dos lados perca credibilidade aos olhos de seu respectivo eleitorado.

Segundo uma fonte da diplomacia israelense também citada anonimamente pela rede de TV americana, o principal negociador do primeiro-ministro Binyamin "Bibi" Netanyahu estendeu sua estadia nos EUA para continuar o diálogo. Isaac Molho manteria negociações diretas em Washington com palestinos e americanos, enquanto Netanyahu, de Jerusalém, "trabalha nos telefonemas".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.