Abbas garante que não disputará a reeleição em 2009

O presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, garantiu que não disputará a reeleição depois do fim de seu mandato presidencial, conquistado nas eleições de janeiro do ano passado.Em declarações à imprensa em Ramalah, Abbas assegurou que sua intenção é permanecer no cargo só pelos três anos que lhe restam."Passou um ano desde minha eleição, e não tenho intenção alguma de ser candidato às eleições presidenciais daqui a três anos", disse o presidente palestino."Durante meu mandato, trabalharei para fortalecer a democracia e aplicar o programa pelo qual fui eleito", acrescentou.De acordo com a lei palestina, o presidente é eleito para um mandato de quatro anos.Abbas é o primeiro presidente palestino da ANP depois da morte de Arafat, em 2004, e sua capacidade de ação dependerá, em grande parte, dos resultados das eleições legislativas do dia 25 de janeiro.Uma vitória do movimento islâmico Hamas representará um obstáculo para sua gestão pacificadora com Israel e para a imposição de ordem nas ruas palestinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.