Abbas se encontrou com chefe do serviço secreto israelense, afirma BBC

O presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, se encontrou secretamente com o chefe do departamento de espionagem interna de Israel para tentar encerrar a crise na Faixa de Gaza, informou a rede britânica BBC. Segundo fontes palestinas citadas em uma reportagem publicada no site da emissora, Abbas encontrou-se com o chefe do serviço secreto Shin Bet, Yuval Diskin, em Amã, capital da Jordânia.As fontes informaram que eles discutiram a captura, por militantes palestinos, do soldado israelense Gilad Shalit, de 19 anos, e também sobre a ofensiva israelense em Gaza, que já matou cerca de 80 palestinos e um israelense.Israel acusa o ministro do Exterior palestino, Mahmoud Zahhar, de ser cúmplice na captura do soldado israelense há duas semanas. Por isso, a Força Aérea israelense bombardeou na manhã desta quinta-feira (horário local) a sede do Ministério do Exterior palestino, na Cidade de Gaza, destruindo o prédio."Todos aqui são perseguidos por Israel, todos são alvos, todas as casa são alvos e todas as árvores são alvos. Este é o sistema destrutivo no qual Israel está construído", disse Zahhar, após o ataque, segundo a BBC.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.