John Vizcaino/Reuters
John Vizcaino/Reuters

Abbas se reunirá com líder do Hamas para debater reconciliação

Fatah fechou acordo de paz com radicais em maio; encontro ocorre na quarta, no Cairo

Efe

16 de novembro de 2011 | 16h27

CIDADE DE GAZA - O presidente da Autoridade Palestina (AP), Mahmoud Abbas, disse nesta quarta-feira, 16, que se reunirá na semana que vem com Khaled Meshal, máximo dirigente político do grupo militante Hamas, para analisar questões relacionadas à reconciliação palestina. O encontro ocorrerá no Cairo, na quarta-feira.

 

"Analisaremos a trocaremos posições sobre várias questões, incluindo artigos do acordo de reconciliação e o futuro" político, disse o presidente da AP em um ato de memória ao sétimo aniversário de morte do líder palestino Yasser Arafat em Ramallah. O comunicado foi transmitido pela televisão palestina.

 

Em maio, o Hamas e sua facção rival, o Fatah, liderado por Abbas, chegaram a um acordo mediado pelo Egito. O pacto visa o fim da divisão política e administrativa entre os partidos, com os radicais governando a Faixa de Gaza e os seculares com o controle da Cisjordânia.

 

Entre as cláusulas do acordo está a formação de um governo de unidade e a realização de eleições nos territórios palestinos. O Hamas, porém, recusou um plano de Abbas para manter o primeiro-ministro da AP, Salam Fayad, à frente do executivo do novo governo, enquanto o Fatah também rejeitou diversas propostas dos radicais.

 

Na reunião, os dois líderes palestinos também falarão da situação da Organização pra a Libertação da Palestina (OLP) - à qual o Hamas não pertence -, o futuro da AP, as negociações de paz e a natureza da luta pela independência. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.