Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Abuso sexual não é problema só da Igreja, diz Vaticano

O reverendo Federico Lombardi, um dos porta-vozes do Vaticano, afirmou hoje que os escândalos de abuso sexual na Alemanha e em outros países são causa de aflição para a Igreja Católica, mas a resposta da entidade tem sido rápida e transparente. Ele notou ainda que o problema dos abusos de menores não ocorrem só na Igreja.

AE-AP, Agencia Estado

09 de março de 2010 | 13h06

Lombardi disse que qualquer caso de abuso na igreja é "especialmente deplorável", por causa das responsabilidades morais e educacionais das autoridades religiosas. O porta-voz afirmou que a Igreja Católica está buscando se comprometer com estratégias para evitar esses fatos.

Os escândalos de abuso sexual de menores por padres católicos e também o fato de autoridades religiosas encobrirem o problema vieram a público nos últimos meses na Irlanda, Alemanha e Holanda. A Igreja Católica nos Estados Unidos ainda lida com os problemas financeiros e emocionais oriundos de anos de escândalos do tipo.

Tudo o que sabemos sobre:
religiãoVaticanoabuso sexual

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.