Ação com mais de 100 policiais prende um dos mafiosos mais procurados do país

A polícia italiana prendeu ontem o mafioso Francesco Matrone, de 65 anos, líder de um clã da Camorra, a máfia napolitana. Matrone já foi condenado à prisão perpétua por duplo homicídio e seu nome estava na lista do Ministério do Interior da Itália como um dos nove criminosos mais perigosos do país. Foragido desde 2007, o mafioso, conhecido como "La Bestia", foi preso em uma casa na cidade de Battipaglia, na região da Campânia, sul da Itália, em uma operação realizada por mais de cem agentes da polícia de Salerno. A ministra italiana do Interior, Anna Maria Cancellieri, disse que a operação tem "grande importância" porque representa a afirmação do Estado contra a Camorra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.