Acidente com balsa deixa 40 mortos na Índia

Uma balsa lotada se dividiu em duas partes e afundou, matando pelo menos 40 pessoas e deixando cerca de 160 desaparecidas no Estado de Assam, nordeste da Índia, nesta segunda-feira.

AE, Agência Estado

30 de abril de 2012 | 14h16

"Havia cerca de 350 pessoas a bordo quando a tempestade dividiu a embarcação em dois e até agora recuperamos cerca de 40 corpos e 150 foram resgatadas ou conseguiram nadar até a margem", disse o chefe de polícia de Assam, J.N. Choudhury.

As pessoas que se salvaram estavam na parte superior da balsa, informou ele. Os detalhes sobre o acidente são escassos em razão da distância da área, o que prejudica a comunicação.

Choudhury disse que o acidente aconteceu no rio Brahmaputra, perto de Fakiragram, no distrito de Dhubri. A região fica a cerca de 350 quilômetros a oeste da capital do Estado, Gauhati, e perto de onde o rio entra em Bangladesh.

A área é cheia de assentamentos à beiro do rio e de pequenas ilhas e os barcos são o meio de transporte mais comum. As balsas costumam ser superlotadas e há pouco respeito às regras de segurança. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Índiabalsaacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.