Acidente com helicóptero no Cáucaso mata 12 militares russos

Doze militares russos morreram em um acidente na segunda-feira com um helicóptero Mi-8 perto de Vladikavkaz, capital da república da Ossétia do Norte, informou um porta-voz do distrito militar do Cáucaso. Entre as vítimas estão três generais, seis coronéis e outros três oficiais, disse um porta-voz militar à agência "Interfax". Outros quatro militares de alta patente e o piloto sobreviveramao acidentee, que aconteceu na localidade de Yuzhni, próxima à capital da Ossétiado Norte. Segundo a versão oficial, o helicóptero se incendiou após cair nas proximidades de um cemitério. Os militares que viajavam no Mi-8 eram membros de uma comissão de inspeção de logística do Exército, e o helicóptero participava demanobras militares. As causas do acidente ainda são desconhecidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.