Acidente com ônibus deixa 28 mortos na Bolívia

Vinte e oito pessoas morreram e outras dez ficaram feridas quando o ônibus em que elas viajavam caiu de um barranco em uma zona montanhosa no sul da Bolívia, informou a polícia. O acidente ocorreu no início da tarde de ontem e os trabalhos de resgate seguiram até a noite, segundo o chefe de polícia da região, coronel Plácido Arroyo, em entrevista à emissora Fides.

AE, Agência Estado

27 de junho de 2011 | 11h17

O ônibus da empresa Copa Moya rolou de uma altura de quase 100 metros na chamada Cuesta de Sama, a 50 quilômetros de seu destino final, na cidade de Tarija. O coletivo havia partido da cidade de Villazón, na fronteira com a Argentina.

Não se sabe as causas do acidente, porém ele ocorreu quando uma densa névoa atingia a área e a rodovia estava molhada, segundo Arroyo. É o acidente com mais mortos na Bolívia este ano. Em janeiro, 25 pessoas morreram quando um rio que havia transbordado arrastou um caminhão com passageiros e um ônibus, no sul do país. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
acidenteônibusBolíviamortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.