Acidente deixa 16 manifestantes pró-Kirchner feridos

Pelo menos 16 pessoas que se dirigiam para a manifestação de apoio ao presidente argentino, Néstor Kirchner, ficaram feridas nesta quinta-feira após o choque entre dois ônibus no bairro de Belgrano, informou a polícia. Os três coletivos que se dirigiam à Praça de Maio, onde será celebrado o terceiro aniversário do governo Kirchner, colidiram e um deles pegou fogo. Dentre os 16 feridos, seis estão em estado grave. Os motivos do acidente ainda são desconhecidos e os feridos foram levados para hospitais da capital, onde ainda permanecem internados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.