Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Acidente em mina na China mata 13; 66 desaparecidos

A exploração de carvão na China matou mais de três mil pessoas somente no ano passado

Efe,

07 de setembro de 2009 | 23h33

Pelo menos 13 mineradores morreram e outros 66 estão desaparecidos depois de uma explosão de gás em uma mina de carvão na província chinesa de Henan, informou a agência oficial de notícias Xinhua.

 

O acidente ocorreu na madrugada desta terça-feira, 8, em um poço na cidade de Pingdingshan, quando 93 mineradores estavam no lugar, segundo informou um porta-voz local. Quatorze trabalhadores conseguiram escapar depois do acidente.

 

O poço acidentado passava por uma revisão, ocasião durante a qual o Governo municipal não permite retomar a produção, segundo a Xinhua, que não deu mais detalhes.

 

Com mais de três mil mortos em 2008, a exploração de carvão na China é a mais letal do mundo devido à precariedade das medidas de segurança e das necessidades energéticas do país, o que obriga os mineradores a trabalhar em profundidades cada vez maiores, onde as explosões de gás são mais frequentes.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaminacarvão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.