Acordo sobre armas químicas é vitória, diz ministro sírio

Ali Haidar afirmou que acordo evitou uma guerra

Agência Estado

15 Setembro 2013 | 09h49

O acordo entre Estados Unidos e Rússia sobre combate a armas químicas na Síria evitou a guerra, declarou neste domingo o ministro sírio de Reconciliação, Ali Haidar. "É uma vitória para a Síria", declarou.

"Por um lado, o acordo ajuda os sírios a emergir da crise e, por outro, nos permite evitar uma guerra", comentou. Haidar falou em entrevista à agência de notícias russa Ria Novosti. "É uma vitória que a Síria conquistou graças aos nossos amigos russos", completou Haidar. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
Síriaarmas químicas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.