Acusados de matar brasileiro se entregam

Os dois suspeitos do assassinato de um brasileiro entregador de pizza, nos Estados Unidos, entregaram-se hoje à polícia. Nathaniel Bailey e Christopher McLauren declararam-se inocentes da acusação de assassinato de João Nascimento, de 40 anos. O crime foi cometido do lado de fora de uma casa no bairro de Olney, na cidade da Filadélfia.Bailey e McLauren foram indiciados na sexta-feira passada por assassinato, roubo, conspiração, grave assalto e porte ilegal de armas. Bailey afirmou ter se entregado para limpar seu nome.Segundo a polícia, os dois acusados - ambos com histórico policial de roubo - fizeram duas chamadas para a Torino´s Pizza, onde Nascimento trabalhava há apenas três dias, na noite de quarta-feira passada. Ao chegar ao local da entrega, o brasileiro foi assaltado e morto com tiros no peito. "Foi certamente um assalto", afirmou o chefe da Divisão de Homicídios da Filadélfia, capitão James Brady. "Este rapaz (Nascimento) foi assassinado por meia dúzia de dólares".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.