Felipe Trueba/Efe
Felipe Trueba/Efe

Adolescente é morto no Chile durante protesto contra Piñera

Jovem de 14 anos levou um tiro no peito após manifestantes entrarem em confronto com policiais

Reuters

26 de agosto de 2011 | 08h50

SANTIAGO - Um adolescente chileno morreu na manhã desta sexta-feira depois de levar um tiro no peito durante protestos na capital Santiago contra o presidente Sebastián Piñera no dia anterior, disse a polícia.

 

A mídia local disse que o jovem de 14 anos levou o tiro próximo à barricada da polícia. Manifestantes entraram em confronto com policiais na capital na quinta-feira, no segundo dia de uma greve de dois dias contra o impopular Piñera, que foi marcado por saques esporádicos.

 

Liderados por estudantes pedindo educação gratuita, centenas de milhares de pessoas foram às ruas nos últimos meses para pedir uma maior distribuição da renda gerada pelo boom no preço do cobre no maior produtor mundial do metal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.