Adolescente espanhol será julgado por atentado em Madri

O primeiro julgamento relacionado aos atentados terroristas de Madri ocorrerá na quarta-feira, com as autoridades apresentando seu caso contra um adolescente espanhol acusado de ajudar a transportar a dinamite empregada na ação. O julgamento deve durar três dias, mas não está claro se um veredicto será dado ao final deste prazo. Pede-se que o adolescente, de 16 anos, seja condenado a oito anos de prisão, seguidos de cinco em liberdade condicional.Por uma quantidade não definida de dinheiro, o garoto pegou um ônibus em Oviedo com destino a Madri levando em sua bolsa quinze ou 20 quilos de explosivos roubados de uma mina. Ele os entregou ao marroquino Yamal Ajmidam. Acusado de portar explosivos para fins terroristas, o adolescente disse que não sabia carregá-los em sua bolsa.Os atentados de 11 de março deixaram 191 mortos e têm sido apontados como obra de militantes próximos à rede terrorista Al-Qaeda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.