Advogado de Assange diz estar em contato com polícia

O advogado do fundador do site WikiLeaks, Julian Assange, confirmou hoje que está em contato com a polícia britânica para discutir a ordem de prisão emitida pela Justiça da Suécia contra o seu cliente. O advogado Mark Stephens disse em Londres que a Polícia Metropolitana lhe telefonou e informou que recebeu o pedido de prisão enviado da Suécia. Stephens afirmou que está atuando como intermediário para que Assange seja interrogado pela polícia da Grã-Bretanha. Ele não quis dizer onde o interrogatório acontecerá. As informações são da Associated Press.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.