Advogado hispânico substituirá ministro da Justiça dos EUA

O presidente dos EUA, George W. Bush, nomeou o advogado da Casa Branca Alberto Gonzales, um texano e um dos mais proeminentes hispânicos da administração, para substituir o ministro da Justiça John Ashcroft, dizem fontes. Ashcroft renunciou ao cargo ontem.Há rumores de que Gonzales seria um forte candidato à Suprema Corte dos EUA, caso uma vaga seja aberta. Recentemente, o presidente da Corte, William H. Rehnquist, anunciou que sofre de câncer.Gonzales e Bush estão juntos há pelo menos 10 anos. O advogado foi procurador-geral do Texas quando Bush era governador, secretário de Estado e juiz na Suprema Corte do Estado. Gonzales tem estado no centro do estabelecimento de posições governamentais sobre a necessidade de equilibrar as liberdades civis nos EUA com os imperativos da guerra ao terror. Sua atuação nesse sentido recebeu críticas muito parecidas às feitas a Ashcroft. Gonzales defende, por exemplo, a política de manter suspeitos de terrorismo presos sem direito a julgamento ou advogado. Ele também é o autor do memorando polêmico de fevereiro de 2002, no qual o governo americano se arroga o direito de ignorar leis e tratados contra a tortura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.