Aeroporto russo é fechado após pouso de emergência

Agências de notícias russas informaram que o aeroporto de Vnukovo, o terceiro maior de Moscou, ficou fechado por uma hora e meia hoje, depois que um Boeing 737, com 56 pessoas a bordo, fez uma aterrissagem de emergência por causa da explosão de pneus durante o pouso.

AE, Agência Estado

12 de julho de 2011 | 17h10

As agências, que citaram funcionários do setor aéreo como fontes, disseram que ninguém ficou ferido durante o pouso de um avião da companhia Utair que fazia a rota Rostov-on-Don, sul do país, para Moscou. Não está claro quantos pneus explodiram ou a causa do acidente. Um funcionário do aeroporto disse à Associated Press que as operações já haviam sido retomadas, mas que pequenos atrasos afetaram a maior parte das chegadas e partidas do aeroporto.

Pousos de emergência são comuns na Rússia, onde as frotas antigas não passam por manutenção apropriada. No mês passado, 47 pessoas morreram quando um Tupolev Tu-134 caiu durante o pouso sob neblina na cidade de Petrozavodsk, noroeste do país. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.