Afeganistão detém 6 suspeitos de planejar ataque

Agentes da inteligência afegã detiveram seis suspeitos de planejar um ataque terrorista em Cabul, disse o porta-voz da Diretoria Nacional de Segurança do país Shafiqullah Tahiri. Um sétimo suspeito foi morto em esconderijo na capital afegã durante a operação.

Agência Estado

30 Maio 2013 | 18h33

Foram encontrados cinco coletes cheios de explosivos, um lançador de granadas, rifles, mapas e documentos que indicavam que o plano era atacar as instalações do governo na capital, acrescentou o porta-voz.

A operação ocorreu horas depois que uma hospedaria usada pelo Comitê Internacional da Cruz Vermelha foi atacada na quarta-feira à noite. Um afegão morreu. Forças de segurança do país resgataram sete estrangeiros.

Segundo Tahiri, os suspeitos são ligados à rede Haqqani, grupo terrorista com base no Paquistão conhecido pela realização de grandes ataques. O porta-voz disse ainda que eles tinham laços com o órgão de inteligência central do Paquistão, mas não revelou que tipo de associação seria essa.

Talebans e outros grupos militantes desencadearam uma onda de atentados e assassinatos em todo o país, testando a capacidade das forças de segurança afegãs de responder aos ataques com menos ajuda internacional. A retirada das tropas estrangeiras deve ser concluída até o final de 2014. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Afeganistãoataquesprisões

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.