Afeganistão: Homem-bomba ataca em funeral e mata 25

Um ataque suicida perpetrado por um homem-bomba durante os funerais de um ancião tribal no remoto leste do Afeganistão deixou pelo menos 25 mortos e dezenas de feridos nesta terça-feira, informaram autoridades locais.

AE, Agência Estado

04 de setembro de 2012 | 11h05

Jamil Shamal, subcomandante da polícia da província de Nangarhar, disse que o atentado ocorreu hoje no povoado de Shagai, no distrito de Durbaba.

As primeiras informações disponíveis davam conta da morte de dez pessoas, mas muitas vítimas socorridas em estado grave não resistiram aos ferimentos e morreram depois de receberam os primeiros socorros, disseram autoridades locais.

Nenhum grupo reivindicou a autoria da ação, mas a milícia fundamentalista islâmica Taleban e outros grupos insurgentes que atuam na montanhosa região de fronteira com o Paquistão eventualmente promovem ataques em funerais e casamentos.

Latifullah, secretário da polícia local que atende por apenas um nome, disse que o alvo aparente do ataque era o prefeito de Durbaba, Hamisha Gul, que participava do funeral e sobreviveu ao atentado. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.