Afeganistão pode participar de negociações com Taleban

Um porta-voz do governo do Afeganistão disse que o presidente Hamid Karzai está disposto a participar das conversações de paz com o Taleban, se os Estados Unidos cumprirem as promessas que, segundo Karzai, foram feitas pelo secretário de Estado norte-americano John Kerry em ligação telefônica.

Agência Estado

20 Junho 2013 | 11h12

O plano de negociar a situação ficou ameaçado quando Karzai cancelou o envio de uma delegação para o recém-aberto escritório do Taleban no Catar. O presidente afegão disse que os Estados Unidos não cumpriram a condição de que o escritório não seria visto como uma embaixada ou um governo no exílio.

O porta-voz Fayeq Wahidi disse que Kerry prometeu que a bandeira do Taleban e a placa com o antigo nome do regime do grupo seriam removidas do prédio e que os Estados Unidos fariam uma carta formal de apoio ao governo afegão.

Wahidi disse que "não vemos qualquer problema em iniciar conversações com o Taleban no Catar", contanto que as exigências sejam cumpridas. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.