África do Sul é nação com maior índice de estupros

Reuters

17 de fevereiro de 2010 | 22h00

Foto: Finbarr OReilly/Reuters

 

Uma voluntária da Simelela, organização que trata da violência sexual, usa uma boneca para ensinar crianças sobre toques inapropriados em uma pré-escola na cidade de Khayelitsha, na África do Sul. O país tem o mais alto índice de estupros no mundo, incluindo de crianças e bebês, com uma estimativa de um estupro a cada 26 segundos, de acordo com grupos de ajuda e organizações locais. Em Khayelitsha, cidade de cerca de 500 mil habitantes, muitas das vítimas são crianças com menos de dez anos. Apenas uma fração dos casos atuais de estupros são reportados e muitos ativistas dizem que os atos de violência sexual alcançaram proporções epidêmicas no país.

 

Tudo o que sabemos sobre:
África do Sulestuprocrianças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.