Aftosa é culpa de Saddam, diz jornal

O vírus da febre aftosa, que está provocando grandes prejuízos à agropecuária britânica e suscitando alarme e temor em outros países europeus, teria sido disseminado na Grã-Bretanha por Saddam Hussein. Esta teoria foi publicada hoje pelo jornal alemão Bild, que cita informações colhidas pelos serviços secretos britânicos.Segundo o diário alemão, Saddam estaria por trás da disseminação da aftosa nos pastos britânicos para se vingar tanto da derrota do Iraque na Guerra do Golfo como do embargo internacional contra o seu país.O Bild informou ainda que os agentes britânicos estão atrás de dados para provar sua teoria. Entre as justificativas levantadas até agora, encontram-se: os britânicos são considerados os maiores inimigos de Saddam; o vírus presente na Europa é uma variante de outro agente que existe na Ásia; o desaparecimento de um tubo de pesquisa que continha o vírus da aftosa de um laboratório químico do exército britânico de Porton Down (Wiltshire).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.