Agência dos EUA não prevê novos furacões em breve

Uma onda tropical a leste do Mar doCaribe que se move lentamente para o oeste através das AntilhasMenores tem poucas chances de se tornar uma depressão tropicalou uma tempestade nos próximos dias, disse o Centro Nacional deFuracões dos Estados Unidos em seu último boletim. A agência também monitora várias outras ondas tropicais noAtlântico, mas nenhuma até agora parece prestes a sefortalecer, informou o centro nesta sexta-feira. A temporada de furacões no Atlântico tem sidoparticularmente intensa em 2008, com dez tempestadesidentificadas até agora, cinco das quais se tornaram furacões. A temporada dura até 30 de novembro e normalmente tem umamédia de dez tempestades já nomeadas, seis das quais setransformam em furacões. O mercado de energia acompanha tempestades que poderiamadentrar o Golfo do México e ameaçar a infra-estrutura deextração de petróleo e gás natural ao longo da costa. A indústria de commodities também vigia tempestades quepoderiam atingir lavouras como as de frutas cítricas e algodãona Flórida e em outros estados ao longo do Golfo do México.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.